4 passos simples para desintoxicar o organismo

Depois dos excessos de dezembro, nada como ajudar o corpo e reencontrar o seu equilíbrio natural. Aqui estão quatro dicas fáceis de incluir na sua rotina e que terão efeitos muito positivos em si – por dentro e por fora.

1. 1,5l de água por dia não sabe o bem que lhe fazia

Se é verdade que somos o que comemos, também é verdade que somos o que bebemos. Beber água é um hábito e, mesmo que seja um sacrifício obrigar-se a fazê-lo, passadas algumas semanas torna-se rotina e já não custa nada. O consumo de água ajuda a limpar e a desintoxicar o organismo, bem como a equilibrar a fome.

Se não é apreciador de água, opte por infusões quentes ou frias. Para acelerar o metabolismo e, consequentemente, os processos de desintoxicação, recomenda-se a cavalinha, o dente-de-leão ou o chá verde.

2. E por falar em verde

Os legumes e as frutas são a base de uma alimentação saudável e, quando nos sentimos mais inchados ou pesados, substituir outros alimentos por estes é uma forma simples de voltarmos a nós mesmos.

Recomendam-se os brócolos, os espinafres, a couve-flor e a fruta da época: laranja, tangerinas, clementinas, romãs e afins.

3. Cheios de fibra

A fibra é muitas vezes desconsiderada quando tentamos perder peso (no sentido literal ou figurado) depois de uma época de excessos, mas a verdade é que ajuda o nosso organismo a transformar o açúcar em energia (em vez de gordura) e está presente na maioria dos alimentos doces. O (maior) problema são os que ingerimos já processados… Para combater este processo nocivo, opte por comer produtos naturais, sem embalagens nem rótulos complexos.

Encontra maiores quantidades de fibra em alimentos como massa ou arroz integral ou ainda nas sementes de sésamo ou de linhaça, por exemplo. Se aumentar o consumo destes produtos, deve fazê-lo de forma progressiva e acompanhá-lo do aumento da ingestão de água.

4. Bela adormecida

Um dos mais importantes passos para desintoxicar o nosso organismo é darmos-lhe tempo e descanso para que ele possa fazê-lo sozinho, naturalmente, tal como está programado para fazer. Dormir um número de horas razoável (depende de pessoa para pessoa, mas por norma anda pelas oito horas) e com um horário fixo é essencial para permitir que os músculos relaxem, que a tensão arterial baixe e que, assim, o organismo possa canalizar a energia necessária para processos de reparação e regeneração celular.

Pronto para um 2019 mais leve? Experimente e diga-nos como se sente.

Categorias
Vida Saudável
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço