#UniteforParkinsons: una-se a esta causa

Saiba mais, empatize, informe-se. O Dia Mundial da Doença de Parkinson não deve (nem pode!) passar-nos ao lado.

O nosso Centro decidiu juntar-se à campanha lançada no âmbito do Dia Mundial da Doença de Parkinson. Mas um só dia não era suficiente, por isso o 11 de abril deu lugar a duas semanas, durante as quais vamos ter uma exposição gratuita que tem como objetivo assinalar esta importante data. Considere-se desde já convidado a visitá-la!

De 11 a 25 de abril, teremos expostos os testemunhos positivos de vários doentes que vivem com esta doença. As suas histórias, tão diferentes mas com o diagnóstico em comum, abrem-nos os olhos para uma realidade complexa e, para muitos, totalmente desconhecida.

Apesar de pouco falada, a Doença de Parkinson é a segunda doença neurodegenerativa mais comum a nível mundial (depois da Doença de Alzheimer) e afeta perto de 20 mil portugueses, que sofrem de lentidão dos movimentos, rigidez muscular, tremor e alterações da postura. 

O grande objetivo desta exposição que agora recebemos é mostrar ao público como se vive com a doença e, principalmente, como “aproveitar mais de cada dia” – não fosse este o lema da Associação Portuguesa de Doentes de Parkinson (APDPk), responsável pela iniciativa.

A campanha #UniteforParkinsons, lançada pela APDPk, tem como objetivo alertar para as dificuldades dos doentes com Parkinson em realizar as mais simples tarefas diárias e focar as mudanças positivas que o tratamento de estimulação cerebral profunda (deep brain stimulation) traz à vida destes doentes. E essas mudanças podem ser muitas.

“Viver com doença de Parkinson é uma adaptação”, conta-nos Ana Botas, presidente da APDPk. “O que explicamos às pessoas é que o caminho que têm a percorrer vai ser percorrido. Apenas será necessário encontrar a forma mais adequada de o fazer. Ter uma atitude otimista faz muita diferença.”

Quanto a todos os que não sofrem desta doença, fará diferença informarem-se sobre ela. Perceberem-na, respeitarem-na, reconhecerem-na. Na sua próxima visita ao nosso Centro, guarde uns minutos para ver (com olhos de ver) a nossa exposição.

Ficamos à sua espera, de 11 a 25 de abril. Passe por cá.

Categorias
Cultura
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço